Sorri Pra Mim

Maneva

A
123
X02220
Am
123
X02210
Em
12
022000
G
123
320003
Tono: G
[Intro] G  Am  Em  A

[Primeira Parte]

    G
Sorri pra mim
                                                 Am
Quando encontro a janela da tua alma aberta nada é ruim
                                                Em
Esqueço até esse mundo de defeitos no qual sempre vivi
                                     A
Tento fazer que o mesmo seja sempre mais

[Segunda Parte]

     G
Não faz assim
                                            Am
Que a água que escoa do seu rosto rega a angústia em mim
                                                Em
Germina a insegurança das minhas flores um sombrio jardim
                                    A
Que só precisa do teu sol para brilhar

[Refrão]

Em               A
 Sem que você, possa esperar, estarei lá
Em               A
 Sem que você, possa esperar, estarei lá

( G )

[Primeira Parte]

    G
Sorri pra mim
                                                 Am
Quando encontro a janela da tua alma aberta nada é ruim
                                                Em
Esqueço até esse mundo de defeitos no qual sempre vivi
                                     A
Tento fazer que o mesmo seja sempre mais

[Segunda Parte]

     G
Não faz assim
                                            Am
Que a água que escoa do seu rosto rega a angústia em mim
                                                Em
Germina a insegurança das minhas flores um sombrio jardim
                                    A
Que só precisa do teu sol para brilhar

[Refrão]

Em               A
 Sem que você, possa esperar, estarei lá
Em               A                           Em  A
 Sem que você, possa esperar, estarei lá contigo

[Final] G
Composición: TALES DE POLLIColaboración y revisión: Thiago AlmeidaDavi MattosL.G. Fonseca