Quando o Amor Bateu Na Porta

Alcione

Quando o amor bateu na porta
A elegância com que veio
Acabou com meus anseios
Me entreguei em suas mãos
Mas eu nunca dei as costas
Nunca pus os pés no freio
Noutras vezes que ele veio perturbar meu coração
É por isso que agora de tanto que me conhece
Toda noite me oferece
Muita luz, muito prazer
E depois quando amanhece
Ele ainda permanece
Assim como se quisesse
Proteger eu e você


Quando olho nos teus olhos
Eu me sinto a fortaleza
Porque a delicadeza com que você olha os meus
Me faz ficar bem mais prosa
Mais bonita, mais fogosa
Como eu quis o tempo todo
Ser com outros mas não deu
Quando o seu corpo me invade
Sinto que sou sua metade
Indo em busca da unidade
Na celebração do amor
É por isso que te quero
Tô segura, falo sério
Foi teu jeito doce que me conquistou


Não depende mais da gente
Esse amor já é pra sempre
Mesmo que um belo dia um de nós por ilusão
Possa se sentir carente, magoado, descontente
E não dizer o que sente maltratando o coração
Mesmo assim não tem mais jeito
Já não pode ser desfeito!
Ele entrou em nossa vida com vontade, pra valer!
Nós não temos mais saída, mesmo havendo despedida
É impossível esquecer

Composição: Altay VelosoColaboração e revisão: Isabelle Sousa

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • No más anuncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...